italianoenglishfrançaisdeutschespañolportuguês
Idioma
Pesquisa do site

BRETTANOMYCES: AS CÉLULAS VNC SÃO PERIGOSAS?

Lucile PIC e Jacques MATHIEU ; GIE ICV VVS

Com a finalidade de ajudar os enólogos na escolha do método de análise melhor adaptado para a prevenção da formação de fenóis voláteis e notas “animais” nos vinhos, comprometemo-nos, através deste trabalho (realizado no âmbito do grupo nacional Brettanomyces financiado pelo France Agrimer) a avaliar, na matriz vinho, a capacidade das Brettanomyces VNC produzirem fenóis voláteis.

Os resultados destacam a importância da escolha do método de controlo microbiológico de acordo com o objetivo pretendido. Numa matriz contendo SO2 ativo suficiente, os métodos Q-PCR e citometria de fluxo poderiam sobrestimar o risco real de alteração dos vinhos de curto e médio prazo. Na verdade, poderiam causar custos adicionais ao aplicar tratamentos desnecessários.

Publicado em 30/05/2017
Fotos
Item disponível em francais
Páginas relacionadas
© Todos os direitos reservados
VAT: IT01286830334
ISSN 1826-1590
powered by Infonet Srl Piacenza
Política de privacidade
Este site utiliza cookies que são necessários para a finalidade descrita na política de cookies. Se quiser saber mais sobre cookies, consulte a política de cookies. Ao fechar este banner e ao navegar nesta página, clicando num link ou continuar a navegação de qualquer outra forma, está a concordar com o uso e política de cookies.
Mais informaçãoOK

- A +
ExecTime : 1,890137